Série: Heróis do Olimpo

||




Livros:
            Série Heróis do Olimpo
                        O herói perdido
                        O filho de Netuno
                        A marca de Atena
                        A casa de Hades
Autor: Rick Riordan
Editora: Intrínseca
Avaliação: 10

“7 meios-sangues responderão ao chamado, 
em tempestade ou fogo, o mundo terá acabado 
Um juramento a manter com um alento final, 
e os inimigos com armas as portas da morte afinal.


– No final da postagem, abaixo da foto há alguns spoilers –


As profecias são sempre tão animadoras!

Começarei com um belíssimo: “É tudo culpa de Zeus!” Talvez você não perceba ou mesmo discorde, mas no fundo... Eu posso culpá-lo.
Acredito que a segunda série baseada na mitologia grega de Rick Riordan seja leitura obrigatória para quem leu a primeira. Se você já está acostumado com todo o azar do Percy não estranhará que as coisas sempre podem ficar piores do que já estão.
Rick Riordan nos presenteia com a volta de saudosos personagens e introduz outros tantos que serão tão queridos quanto os outros. Esses novos livros possuem uma carga emocional tão grande quanto Os Olimpianos. Um dos pontos foi reparar que os novos personagens têm mais “dons especiais” do que os anteriores, fica a cargo da curiosidade de vocês...
No primeiro volume, quem encontramos é o quarteto formado por Jason, Piper, Leo e o treinador Hegde. Sou obrigada a confessar que não vou muito com a cara do Jason e da Piper... Ele me irrita por ser certinho demais e ela por mais que faça não consigo deixa de ser  inútil. Por outro lado é impossível não gostar do Leo!
O segundo nos devolve magnificamente o filho de Poseidon. Talvez ele esteja um tanto esquecido das coisas... Também temos Hazel e seus segredos profundos e o quase fracassado Frank – sério, o garoto precisa de ajuda! –. Ainda algumas aparições bem inusitadas ocorrerão nesse livro. Gosto bem mais dessa combinação de semideuses, acho mais harmônica e ninguém me irrita. Destaco ainda a pretora Reyna, fiquei levemente louca por ela, não sei se pela personalidade forte ou o que, mas ela me conquistou.
Em seguida, espero que todos sintam a mesma vontade que eu em matar Atena! E olha que ela é uma das minhas deusas preferidas, mas percebi em “A marca de Atena” que o poder da sua estratégia mesmo que para um bem maior é frio e cruel. Para mim, foi um dos livros mais emocionantes, porque acabou dividindo o grupo e todos tiveram que se virar com seus próprios e imensos problemas. Annabeth consegue surpreender sempre, a menina é literalmente um prodígio, muito embora tenha apenas a sua capacidade de pensar para isso.
Por fim, temos a “Casa de Hades” que deixará seu coração em frangalhos, se bem que ele provavelmente já esteja... Seu queixo cairá e você quererá morrer por não ter o lançamento do último livro da série ainda. Sofrendo com isso todos os dias
Então... Esse é um resumo básico da avalanche de sentimentos que essa segunda coleção envolvendo deuses do Olimpo me causou. Ela é mais adulta que a primeira, e os sentimentos parecem mais fortes. Deuses romanos são mais frios e calculistas, e devo dizer que isso em alguns aspectos ajudou bastante à consolidação do Império Romano. Mas não deixo de preferir os gregos, afinal, a preservação da arte e alguns cultos devem ser mantidos. Melhor do que afundar o mundo num caos de guerra e sangue como geralmente eram os pensamentos romanos, “ataque primeiro, pergunte depois”.
Não tive como me alongar muito na crítica e não dar spoiler, e sei que isso acabaria coma  vida de muitos futuros leitores. Fica então a minha veemente recomendação para que leiam o quanto antes a série Heróis do Olimpo, porque não tem erro!




Sim, o A Marca de Atena está visitando a minha avó na fazenda e só Deuses sabem quando ele volta.



















– SPOILER (de todos os livros) –

- Sério que o Nico sabia de tudo o tempo todo? Eu quis socar o menino até não sobrar mais nenhum dente na boca dele (e eu nem sou filha de Ares)
- Tem coisa mais linda que o reencontro do Percy com a Annabeth? Eu derreti e voltei algumas vezes nas frases apaixonadas dos dois durante o livro!
- Reyna dando em cima do Percy foi hilário, é facilmente imaginável a expressão de pânico dele.
- E por fim, como não morrer de chorar com a última frase no “A casa de Hades”?





6 comentários:

  1. Eu quero tanto ler essa trilogia, leoi tantas resenhas positivas e fico morrendo de vontade de ler. ^^

    http://amolivrosdeverdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você vai gostar com certeza Eduarda!
      Não dá para ficar insensível ao Rick Riordan e Percy Jackson!

      ♛ Queen Reader agradece a sua visita ao Castelo!

      Excluir
  2. Olá, tudo bem?

    Nossa, já li a primeira série, mas esse seu "texto" me conquistou por completo...

    Quanto estava lendo Percy Jackson e os Olimpianos, fiquei tão envolvida com o tem abordado, que acabai até fazendo um trabalho inteiro na escola sobre mitologia grega... Pesquisei desde os Deuses primordiais até os menores seres... Admito que foi uma ótima experiência!

    Quero muito ler a segunda série... Mas, como assim os Deuses Romanos são ainda mais frios???? Eu já achava os Gregos assim...

    Seguindo o blog, adorei tudo aqui em seu cantinho... Ficaria mega feliz se pudesse retribuir :)

    XOXO
    umnovo-roteiro.blogspot.com
    PS: te vejo lá no meu cantinho, né?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!
      Fico feliz em saber disso!

      Mitologia grega é amor! Sempre fui louca por mitologia - principalmente grega, romana, egípcia e nórdica. Tio Rick leu meus pensamentos!

      Juro, os romanos são quase estátuas de tão gelados!

      Pode ter certeza de que retribuirei a gentileza!

      ♛ Queen Reader agradece a sua visita ao Castelo!

      Excluir
  3. li só o primeiro livro , quero muito ler o resto da serie !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leticia, leia os outros quando puder! São ótimos!

      ♛ Queen Reader agradece a sua visita ao Castelo!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...